Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Tudo o que você precisa saber sobre fluxo de caixa

Se você chegou até aqui, procurando entender mais sobre fluxo de caixa e o que ele pode fazer pela sua loja, com certeza já percebeu que se trata de uma importante ferramenta que pode ajudar muito tanto na organização financeira como gerencialmente, não é mesmo?

Pois bem, neste post, a ideia é simplificar a explicação do conceito e mostrar, em termos práticos, como o fluxo de caixa pode funcionar em prol da sua loja. Sem mais delongas, confira alguns tópicos simples para captar a ideia e aplicação sobre o controle do fluxo de caixa:

Afinal, o que é fluxo de caixa e qual importância para o meu negócio?

Basicamente, o fluxo de caixa pode ser entendido a partir do exercício de observação da movimentação financeira que a sua loja faz, ao longo da operação. Puxando um simples extrato do mês, é possível perceber que a empresa recebe recursos de clientes e também realiza diversos tipos de pagamentos (contas, impostos, fornecedores etc.). Para definir essas movimentações, usamos os termos receitas (entradas) e despesas (saídas).

O fluxo de caixa é justamente o registro de todas as receitas e despesas que acontecem na sua empresa, dia após dia. Além de torna-lo mais ciente sobre a situação real nos cofres da loja, esta informação propícia também uma oportunidade de melhorar o equilíbrio entre finanças, promovendo assim uma boa saúde financeira.

Para tornar o processo ainda mais valoroso, contar com uma contabilidade para gerir o fluxo de caixa do seu negócio e controlar todos os outros detalhes burocráticos (obrigações), trará benefícios em escalas ainda maiores. Desta forma, é possível promover maior organização com os recursos, controle nas movimentações e segurança nos investimentos.

O que ganho com o controle de fluxo de caixa, que não consigo sem ele?

Além do ganho administrativo que ter essa informação proporciona para a gestão da sua loja, o controle de fluxo de caixa bem executado (com o auxílio de um software de gestão) pode ajudá-lo também a fazer o controle de estoque, identificando os produtos com maior giro e a quantidade de tempo que levam até serem comercializados.

Também a respeito do controle de estoque, o fluxo de caixa ajudará a fazer a gestão de unidades da mercadoria, o que será fundamental a controlar o número de unidades quando o produto estiver em falta no mercado.

O controle de inadimplentes é outro ponto muito bem assessorado pelo fluxo de caixas. Através da técnica, é possível manter a atenção sobre as contas a pagar e receber, identificando projeções de valores que sua loja pode alcançar através destas movimentações.

Por fim, vale pensar também nos casos em que existe um controle conjunto de gastos pessoais e comerciais. No blog, já citamos algumas das razões que mostram que finanças pessoais devem ser separadas das finanças da loja, e o controle de fluxo de caixa definitivamente é um fator que pode facilitar a manter a organização e separação entre estas movimentações.

Tire suas dúvidas conosco, nós, da Dj Contabilidade, somos especialistas na sua empresa, e criamos este artigo especialmente para você!

Esperamos que tenha gostado e que isso te ajude a traçar uma direção concreta para a sua profissão.
Siga-nos no Facebook: @djcontabilidadeoficial

Sucesso e até a próxima.

A DJ Contabilidade é uma Contabilidade na Zona Norte – SP Contabilidade na Zona Norte – SP.

[cta-box-news form=”contact-form-7 id=’2431′ title=’newsletter blog'”]

Abrir Uma Empresa Pode Ser Algo Simples Facil E Rapido - DJ Contabilidade
Fechar Menu